Bacalhau do “Brima” (primo)

abril 17, 2014 by Soraya Gars

Esta receita é especialidade da família Mustafá, que pesquisou em Portugal as maneiras mais gostosas de preparar deliciosas receitas de bacalhau. Tivemos o privilégio de provar esta gostosura no fim de semana passado e – melhor ainda – obter a receita para compartilhar com os leitores do Blog Bye Bye Gordura! :)

Ingredientes:
- 3 kg de lombo de bacalhau (cada kg = 3 lombos)
- 2 batatas médias para cada lombo
- 1/2 xícara de alho descascado picadinho
- 3 cebolas roxas fatiadas finas
- 100g de azeitonas pretas pequenas
- 10 pimentas Cambuci fatiadas
- 1/2 xícara de azeite de oliva
- alecrim

Modo de Preparo:
Compre o bacalhau dessalgado ou dessalgue deixando de molho de um dia para o outro e trocando a água diversas vezes. Após dessalgado, misture o alho picado com o azeite, passe e deixe o bacalhau marinando de um dia para o outro.

Numa assadeira, coloque as batatas e o bacalhau com a pele virada para cima e asse em fogo médio por 50 minutos. Escorra, troque tudo para outra assadeira e descarte o caldo (ao trocar de assadeira, coloque o bacalhau com a pele para baixo). Volte para o forno com as pimentas, as cebolas e as azeitonas por cima, regue com um pouco de azeite e deixe assar por mais 1/2 hora. Uns 10 minutos antes de finalizar, jogue umas folhas de alecrim por cima, mas retire na hora de servir.

Sirva com arroz branco. Uma dica: coloque 2 cabeças de alho inteiras na panela do arroz (com casca e tudo) e cozinhe junto. O alho vai ficar macio e desmanchando, para comer junto com o prato.

.

Espero que gostem e não esqueçam de um vinhozinho tinto para acompanhar, ok? Boa Páscoa!!!

Sugestão de leitura:



» Deixe seu Comentário AQUI! »

Colomba com recheio trufado de nozes

abril 16, 2014 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 16/04/14

Adora Colomba de Páscoa? Já pensou em recheá-la com trufa de nozes? Super fácil de fazer, fica uma delícia e pode ser um presente artesanal super caprichado. Confiram a receita! ;)

Recheio Trufado:
- 150g chocolate meio amargo picado
- 150g chocolate ao leite picado
- 1 caixinha de Creme de Leite (250g) Mococa
- 1 colher (sopa) conhaque
- 1 colher (café) essência nozes
- 80g nozes picadas grosseiramente

Cobertura:
- 250g chocolate ao leite picado
- nozes para enfeitar

Modo de Preparo – Recheio:
Misture o conhaque e a essência de nozes com o creme de leite, em temperatura ambiente. Derreta os dois chocolates no micro-ondas (ou no banho maria). Acrescente o creme de leite e mexa bem, até formar um creme brilhante. Por fim, adicione as nozes picadas.
.

Montagem e Cobertura:
Retire cuidadosamente a tampa da colomba e reserve. Com uma faca de pão, corte o miolo, deixando no mínimo dois dedos de lateral e sem furar o fundo do bolo. Retire cuidadosamente o miolo e reserve. Coloque uma farta camada de recheio trufado, cubra com os pedaços do miolo e por cima, coloque mais um pouco do recheio. Feche com a tampa. Derreta o chocolate ao leite no micro-ondas (ou banho maria) e cubra a colomba. Enfeite com as nozes e, se gostar, coloque também cerejas em calda. Deixe o chocolate esfriar bem e depois pode embalar com plástico filme.

Os ingredientes desta receita são suficientes para rechear e cobrir, duas colombas de 400g cada.

Este Recheio Trufado de Nozes pode ser usado em outras sobremesas, pavês, do jeito que sua imaginação quiser! :)

.


Visitem a Mococa nas Redes Sociais:
Blog / Twitter / Facebook / Orkut / Site

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» Deixe seu Comentário AQUI! »

Vitamina de Abacate

abril 10, 2014 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 10/04/14

O abacate não é o vilão que muitos pensam; se consumido com moderação. Realmente, ele é rico em gordura, mas é um tipo de gordura bom!

Vitamina para 2 pessoas:
- 1 abacate pequeno maduro
- 200ml de leite desnatado
- 1 colher (sopa) de adoçante

Bater tudo no liquidificador e servir imediatamente. O abacate oxida e fica escuro e o adoçante deixa amargo, se não for servido na hora. Para comer com açúcar ou leite condensado, fica calórico demais!

A proporção entre a polpa do abacate e a quantidade de leite, vai definir uma vitamina mais grossa, possível de comer com colher, ou mais rala, para tomar de canudinho! ;)

A Dieta dos Deuses – Dr. Fedon A. Lindberg
Amêndoas, abacates, castanhas de caju, avelãs, nozes, amendoins, sementes de pistache e azeitonas são alimentos ricos em ômega-9, uma gordura monoinsaturada. Esse deve ser o tipo de gordura mais ingerido.

A maior fonte de gordura vegetal são os óleos vegetais, as castanhas e o abacate.

Mais informação sobre Abacate:

A gordura predominante no abacate é do tipo monoinsaturada, como a do azeite de oliva. Este tipo de gordura é considerado saudável e ajuda a controlar as taxas de colesterol do organismo. Para evitar o escurecimento imediato, passe um pouco de suco de limão na superfície do fruto. Quando for usar somente uma metade do abacate, deixe a outra com o caroço. Isto evita que se deteriore com rapidez.

Escolha os mais pesados e firmes.Alguns têm manchas de cor marrom-clara na casca, mas esse é um defeito apenas superficial e não afeta a qualidade do fruto. O abacate deve ser guardado em local fresco e arejado, não podendo ser colocado na geladeira, pois o frio impede o amadurecimento. Depois de descascado precisa ser imediatamente consumido, pois em contato com o ar, a polpa escurece.

No Brasil, o abacate é consumido ao natural com açúcar, como sobremesa. No entanto, em outros paises e mais apreciado em saladas, bem temperado com vinagre, pimenta e maionese. Em pratos doces, o abacate combina muito bem com limão, leite, creme de leite e leite condensado, na preparação de sorvetes, cremes , musses e bebidas.

100g de abacate comum, possui 162 calorias. Fonte: Hortifruti

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 2 Comentários »

Bolinho de Arroz

abril 9, 2014 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 09/04/14

Bolinho de arroz faz muito sucesso aqui em casa! Eu também adoro, mas para não abusar das frituras, revezo com a versão assada já publicada aqui no Blog! :)

Ambas as receitas levam praticamente os mesmos ingredientes, são deliciosas e excelentes para aproveitar sobras de arroz.

Os ingredientes são “a olho”, dependendo da quantidade de arroz:
- Arroz já cozido e temperado (pode ser sobras)
- 1 ovo
- leite
- sal ou tempero em pó
- salsinha picadinha => pode ser desidratada
- 2 colheres (sopa) queijo ralado
- farinha de trigo até dar o ponto
- 1 colher (café) fermento em pó

Misture todos os ingredientes e frite as colheradas no óleo quente. Escorra em papel absorvente e sirva imediatamente. Eu gosto de fazer os bolinhos pequenos, assim não corro o risco de ficar meio molenga por dentro, pois frita rapidinho! ;)

.

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 1 Comentário »

Lançamento: Ampolas Auto Aquecidas Lacan

abril 8, 2014 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 08/04/14

No mês passado, recebi algumas ampolas auto aquecidas da Lacan para testar. Fiquei contente, pois adoro conhecer novos produtos para os cabelos! ;)

A linha completa é composta por 8 versões: desamarelador, argan oil, semi di lino, queratina + argan, maxi repair, liss-frizz, macadâmia e avelã, caviar e pérolas. As ampolas possuem ação hidratante instantânea e são de fácil utilização.

Após o shampoo, basta colocar uma pequena quantidade na palma da mão úmida e friccionar para ativar o conteúdo; o líquido vai adquirir uma consistência de chantily. Aplicar nos cabelos, deixar agir por cerca de 3 a 5 minutos e depois enxaguar. Na primeira vez, pode parecer complicado, mas é super fácil pegar o jeito e encontrar a dose adequada para cada cabelo.

Convidei minha Bonequinha Alyssa para testar junto comigo as ampolas auto aquecidas e adoramos o resultado! Eu usei Macadâmia e Avelã (embalagem verde claro); ela usou Liss-Frizz (embalagem lilás). Para meus cabelos com fios finos e comprimento médio, usei duas doses de cada vez e a ampola rendeu o suficiente para 3 aplicações. A Alyssa tem muito mais cabelo e os fios são longos. Ela usou três doses de cada vez, mas como sua mãozinha é menor, a ampola também rendeu para 3 aplicações. No final das contas, o rendimento foi o mesmo! ;)

Após a aplicação, pode ser usado condicionador ou máscara, conforme o critério de cada pessoa. Eu não achei necessário usar condicionador, parti direto para o leave in da linha Liss-Frizz, que adoro e uso sempre. Já falei dele aqui no Blog. A Alyssa prefere usar a máscara fortalecedora da linha Maxi Hidratante, que também já mostrei aqui no Blog.

.

Ampolas auto aquecidas testadas: 1. Liss-Frizz ~ 2. Macadâmia e Avelã

Enfim, gostamos da praticidade do produto e do resultado: cabelos macios e hidratados, com controle de volume. Outro ponto que agradou muito foi o tamanho ideal para levar ao clube ou em viagens; já que a aplicação é rápida e não necessita uso do condicionador depois.

.


Para maiores informações,
visitem o site da Lacan!

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» Deixe seu Comentário AQUI! »

Benefícios da couve e receitas!

abril 4, 2014 by Danny Mou

Eu adoro couve, e você? Abaixo, três receitas deliciosas já postadas aqui no Blog e muita informação importante sobre esse vegetal, rico em cálcio, ferro e vitaminas!

Torta Colorida de Vegetais

Charuto de Couve com Lentilha

Feijão Tropeiro com Couve

.
1) Quais são os nutrientes encontrados na couve?

Considerado um alimento popular, este vegetal é extremamente benéfico à saúde, pois contém Cálcio, Ferro, Vitamina C, Vitamina K e Vitamina B6, bem como, sendo da família das crucíferas, contém substâncias antioxidantes – fenólicos.

.
2) Que benefícios estes nutrientes trazem para o organismo?

Cálcio – importante para a formação dos ossos e manutenção da massa óssea.

Ferro – Essencial para a formação de glóbulos vermelhos evitando a anemia.

Vitamina C – Protege o organismo de infecções e facilita a absorção do Ferro.

Vitamina K – ajuda a regular os processos de coagulação do sangue.

Vitamina B6 – Contribui para o bom funcionamento do sistema imunológico e para a modulação de receptores de hormônios no organismo.

.
3) É verdade que a couve ajuda a fixar o cálcio nos ossos?

A couve é uma fonte de cálcio que apresenta uma boa absorção pelo organismo, sendo assim, devido as propriedades do cálcio auxilia na manutenção da massa óssea. Porém temos disponíveis outros alimentos que também possuem uma rica quantidade de cálcio, como por exemplo: leite e derivados, brócolis, feijões, etc.

.
4) Dizem que a couve é um alimento bastante desintoxicante. Por que?

O organismo possui um processo natural para eliminar as toxinas do corpo através da transpiração, respiração, fezes e urina. O consumo de preparações que combinam frutas e vegetais conhecidas com desintoxicantes são um grande aliado neste processo de eliminação e defesas imunológicas. Assim como este alimento possui fibras auxilia no trânsito intestinal carregando os resíduos alimentares e a gordura excedente.

A couve também possui o antioxidante fenólico que atua como protetor aos danos dos radicais livres, diminuindo a proliferação de células cancerígenas e outras doenças (aterosclerose,artrite reumática, etc)., trazendo assim um efeito protetor.

.
5) Quantas calorias há na verdura? A forma de preparo influencia?

Em 100gr do alimento crú temos 27 Kcal

Os efeitos protetores da couve foram observados apenas quando estas foram consumidas cru ou submetida a um cozimento leve e rápido, não havendo evidências que após passar por um longo processo de cozimento continue proporcionando os benefícios.

Por ser considerada excelente fonte de fibras, porém estudos evidenciam que o processo de cozimento altera a sua propriedade e consequentemente sua atuação como fibra alimentar.

.
6) Como comprar a couve?

A couve é encontrada em todas as épocas do ano.

Na hora da escolha as folhas não devem estar moles demais, preferir as que tem o mínimo de folhas se desprendendo do caule. Produtos fatiados começa a perder nutrientes, especialmente a vitamina C, então prefira as que foram fatiadas no mesmo dia e use em seguida.

.
7) Há restrições para o consumo do alimento?

Indivíduos submetidos a tratamentos com anticoagulantes visando a prevenção da trombose, devem ser monitorados quanto a ingestão do vegetal devido a presença da vitamina K.

Fonte: Ligia dos Santos, nutricionista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» Deixe seu Comentário AQUI! »

Arrume a geladeira e emagreça!

abril 3, 2014 by Danny Mou

Mantê-la sempre organizada e abastecida, previne que você caia na tentação da gula. Afinal, como diz o velho ditado: “O que os olhos não veem, o coração não sente”. Por isso, veja dicas de como armazenar os alimentos saudáveis que vão ajudá-la a perder peso com saúde

Abrir a geladeira e deparar-se com uma infinidade de guloseimas é a morte para qualquer pessoa que está de regime. Essa cena pode acontecer tanto na casa de alguém que mora sozinha quanto na de quem vive com os familiares. O problema é que se na hora que bate a fome ou que dá aquela louca vontade de comer uma coisinha, se essas tentações estiverem à mão, não tem jeito, ela vai parar exatamente onde não devia: na nossa barriga! Logo, o problema não é a guloseima que está na sua geladeira, mas o impulso de quem compra. E essa é uma tarefa que pode ser exclusivamente sua ou culpa dos outros que convivem com você. “Tudo vai depender dos hábitos alimentares da família, para quem mora acompanhada, e de como é a compra do supermercado, para as que vivem sozinhas”, adverte a nutricionista Daniela Jobst (SP), especialista em Nutrição Funcional. Selecionar o que vai ser consumido é a grande vantagem que os especialistas destacam para as pessoas que vivem só. Segundo a nutricionista Alessandra Rodrigues (SP), elas têm a opção de ter ou não as guloseimas em casa, e não mantê-las a vista ajuda bastante quem está de regime. De acordo com o endocrinologista Tércio Rocha (RJ), um estudo americano revelou que o número de obesos mórbidos nos Estados Unidos duplicou e mais de 75% deles moravam sozinhos. Ele atribui esse índice à solidão. “A pessoa chega em casa, não tem com quem conversar e encontra na comida um alento. Outra desculpa é que, por não ter tempo de preparar o alimento saudável, muitas vezes apela para os congelados e lanches, que, na maioria das vezes, são mais calóricos,” afirma. Mas independentemente se você mora sozinha ou com familiares, é preciso estar de olho em como abastece a sua geladeira tanto para manter saudável a alimentação da família, como para reduzir as calorias de quem precisa emagrecer.

Sirva-se, mas não à vontade

As nutricionistas Alessandra Rodrigues e Daniela Jobst selecionaram 20 dicas que vão ajudá-la não apenas a arrumar a sua geladeira, mas como escolher, acondicionar e preparar os alimentos para que você emagreça com saúde.

1- Sempre que possível lave as frutas, verduras e legumes antes de guardá- los e os seque bem para aumentar o tempo de conservação.

2- Os alimentos devem ter suas embalagens higienizadas.

3- As embalagens plásticas, de papelão (como a caixinha do iogurte, pacote de refrigerantes) ou pratos de isopor devem ser retiradas, pois impedem a adequada refrigeração do produto, além de favorecer a contaminação de outros alimentos.

4- A fonte de proteína também deve estar semipreparada: bife, frango, peixe, ou outro tipo de carne podem ser temperados na véspera, a fim de facilitar o preparo e não fazer com que você coma qualquer besteira em vez de uma refeição saudável.

5- Guarde alho e cebola em recipientes rosqueados para evitar que o cheiro fique impregnado.

6- Caso não seja possível higienizar algum alimento, mantenha- os isolados dos demais alimentos (é o caso de carnes, frangos, peixes) nas gavetas da geladeira ou em sacos plásticos.

7- Evite comprar doces. Tenha na geladeira frutas como banana, pera e maçã, que assadas e cobertas com canela, saciam a vontade de comer doce, sem pesar na balança.

8- Deixe pronto um molho de salada. Para facilitar no momento de servir o prato. Sem contar que se bem guardado (em potes fechados) podem durar até cerca de 4 dias na geladeira!

9- Se bater aquela vontade de comer fora de hora, e você logo se encaminhar em direção a geladeira, o ideal é encontrar gelatina light, suco light (de preferência em pó), chá gelado – seja de erva cidreira, cravo e canela, e também as versões verde, branco e vermelho.

10- Deixe sempre fácil na geladeira uma porção de queijo cottage temperado com orégano e tomates picados. Essa mistura serve para rechear endívias ou para preparar rolinhos de frios (com peito de peru, chester ou presunto magro, por exemplo)

11- refrigerante X suco natural
A segunda opção é sempre melhor. “Mas é preciso consumir com controle, afinal, eles são mais saudáveis do que os refrigerantes, porém, engordam. Eu diria que para serem tomados no dia-a-dia, o ideal é que cada pessoa não ultrapassasse 500ml. Imagine que para um copo de 200ml de suco de laranja, sejam necessárias três, quatro laranjas, o que pode somar mais de 300 calorias. Enquanto que a fruta tem no máximo 80 calorias e ainda é rica em fibras, que ajuda manter a saciedade”, considera.

12- Organize sua geladeira:

Gaveta inferior: reserve para verduras, legumes e folhas.

Prateleira inferior ou gaveta intermediária: especial para frutas. Prateleira do meio: alimentos semiprontos ou pré-preparados, legumes cozidos e frutas lavadas. Como o ar prejudica os alimentos, procure usar embalagens proporcionais à quantidade que será armazenada.

Prateleira superior: alimentos prontos para consumo (como sucos de caixinha e na jarra, pratos prontos, doces, iogurtes, queijos). Lembre-se de que carnes e pratos prontos devem ser consumidos dentro de, no máximo, 48 horas após o descongelamento. No caso de peixes e frutos do mar, a utilização deve ser imediata. Gaveta superior: queijos cremosos, manteigas, margarinas.

Na porta: caixas de leite desnatado, sucos, maionese, mostarda, molho inglês e catchup, todos de preferência light.

13- As frutas são ótimas opções para enganar a vontade de comer um docinho. Porém, cuidado com as quantidades! O ideal é não ultrapassar três porções de fruta por dia.

14- Para facilitar a hora do jantar, tenha sempre lavados e acondicionados na geladeira diversos tipos de folhas para a salada, além de tomate e pepino picados, cenoura, beterraba ou rabanete ralados, etc.

O importante é que estando pronto você não sinta preguiça de comer.

15- Se você mora sozinha, tenha sempre à mão atum em lata, queijos como ricota ou branco temperados, ou mesmo frios como peito de peru e de chester. Eles não apenas acompanham a sua salada colorida, mas completam o jantar nutritivo e pouco calórico”, avisa Daniela.

16- Distribua o que sobrou de um almoço, reunião ou festa feita em casa, evite guardar na geladeira especialmente o excedente de doces. Afinal de contas, o fácil acesso pode fazer você cair em tentação.

17- Prepare gelinhos light (feito com suco light em pó e congelado em forma de gelo) e consuma livremente nos momentos que a vontade de comer um docinho for incontrolável.

18- Faça uma musse light rápida: bata 200ml de gelatina pronta com 1 pote de iogurte light e leve para gelar. É uma ótima opção de ceia, se você jantar cedo demais.

19- Faça uma musse light rápida: bata 200ml de gelatina pronta com 1 pote de iogurte light e leve para gelar. É uma ótima opção de ceia, se você jantar cedo demais.

20- Bolinhas de mussarela de búfala light, tomate-cereja, cenourinhas baby e pepinos picados são ótimas opções tanto para um aperitivo, quanto para beliscar fora de hora ou mesmo para a hora do lanche. É só levar num pote muito bem fechado e acondicionado.

Diet ou Light?

Sempre pinta uma dúvida na hora de comprar esses produtos. Confira algumas dicas para aprender a diferenciá-los e identificar qual deles é melhor para a sua dieta.

Diet > esses produtos são, por definição, alimentos que apresentam ausência de algum nutriente específico, seja ele açúcar, gordura, proteína ou sódio. Geralmente são usados por pessoas que precisam restringir o uso de algum desses nutrientes, como os diabéticos e hipertensos. Mas tome cuidado, pois como todo alimento, se consumidos sem moderação acarretam problemas e podem engordar.

Light > os alimentos rotulados como sendo light costumam apresentar redução de no mínimo 25% de algum nutriente específico (como gordura, acúcar ou sódio). Mas lembre- se que isso não significa que ele é ausente, como no caso dos diet. Esses produtos são indicados para pessoas que seguem alguma dieta de emagrecimento, pois essa redução de valores ajuda a diminuir o número de calorias do produto e acaba auxiliando no processo geral da perda de peso.

Coma bem e sem sacrifícios

“É claro que pensar em restrição alimentar nunca é saboroso. No entanto, liberdade em excesso é maléfico em todos os sentidos, e isso também inclui a dieta”, afirma a endocrinologista Alessandra Rascovski, da Clínica Filippo Pedrinola (SP). Para a médica, a postura básica a ser mantida é mudar a afirmação – que já se tornou uma lei – de que estar de regime para emagrecer é um castigo. “Imagine uma pessoa com 20 quilos acima do peso, que tentou todos os regimes possíveis e nunca alcançou um resultado satisfatório. Será que ela consegue passar ilesa pelas armadilhas? Geralmente, não”, afirma. “Em geral, elas começam uma dieta hoje, seguem durante três, quatro dias, aí vão para uma festa, comem tudo o que não deveriam e desistem. Só por causa da recaída.

Ou, ainda, chegam em casa ansiosas por algum motivo depois de seguir o menu diário direitinho, mas aí abrem a geladeira e engolem uma lata de sorvete inteira e põem tudo a perder. Claro, esta pessoa vai ficar sem nenhuma motivação para continuar”, esclarece a Dra. Alessandra.

O grande problema é que o prazer da comilança dura poucos minutos, apenas até o cérebro liberar a endorfina (que causa aquela sensação gostosa), chegando ao pico. No entanto, a queda vem logo depois e, com ela, toda a sensação de culpa.

“É preferível o prazer do autocontrole (e todos têm essa capacidade!) do que se deixar levar por uma alegria falsa, que é breve e ainda seguida de culpa”, admite a endocrinologista. Fonte: Plástica e Beleza

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

Related Posts with Thumbnails

» 4 Comentários »