Vinho Verde

>> Diário Pessoal, 30/12/09

Vinho Calamares Branco Verde 750ml. Vinho português branco, elaborado com as uvas Lote de Loureiro, Azal, Trajadura e Pedernã. Possui aspecto límpido, amarelo muito claro, quase transparente, com leves raios esverdeados, e aroma muito frutado. Vinho verde branco meio seco, jovem, fresco, suave e frutado. Excelente aperitivo, ideal para um dia de muito calor. Aconselhamos ainda como complemento de mariscos e frutos do mar, e todos os tipos de refeições de peixe. Acompanha ainda muito bem queijos frescos ou pouco curados. Servir à temperatura de 8º a 10ºC, num flute ou num copo vidro fino. Graduação alcoólica 9% vol – 750ml. Vinho importado de Portugal.

Ganhei uma garrafa de Vinho Verde Calamares. Para apreciar gelado, que vinho delicioso! ;)
Logo me lembrei de uma música que ouvi muitas vezes quando era criança, na voz do cantor Roberto Leal.

Verde Vinho
Letra: Paulo Alexandre

(…)
“Vamos brindar com vinho verde
Que é do meu Portugal
E o vinho verde me fará recordar
A aldeia branca que deixei atrás do mar.”
(…)

Uma coisa bem interessante, é que cada garrafa de Vinho Verde conta uma história, através do SELO DE GARANTIA. Para consultar a história da sua garrafa, visite o site: http://www.vinhoverde.pt/pt/vinhoverde/garrafa/garrafa.asp

.

Mais informação sobre o Vinho Verde:

O Vinho Verde é único no mundo. Um vinho naturalmente leve e fresco, produzido na Região Demarcada dos Vinhos Verdes, no noroeste de Portugal, uma região costeira geograficamente bem localizada para a produção de excelentes vinhos brancos. Berço da carismática casta Alvarinho e produtora de vinhos de lote únicos, a Região dos Vinhos Verdes festejou em 2008 o centenário da sua demarcação.

Com baixo teor alcoólico, e portanto menos calórico, o Vinho Verde é um vinho frutado, fácil de beber, óptimo como aperitivo ou em harmonização com refeições leves e equilibradas: saladas, peixes, mariscos, carnes brancas, tapas, sushi, sashimi e outros pratos internacionais.

A flagrante tipicidade e originalidade destes vinhos é o resultado, por um lado, das características do solo, clima e factores sócio-económicos da Região dos Vinhos Verdes, e, por outro, das peculiaridades das castas autóctones da região e das formas de cultivo da vinha. Destes factores resulta um vinho naturalmente leve e fresco, diferente dos restantes vinhos do mundo.

O Vinho Verde branco é consumido maioritariamente associado a uma refeição e normalmente acompanhando pratos de peixe ou marisco ou ainda de carnes brancas.

Observa-se no entanto, uma tendência recente para o seu uso como aperitivo, dada a sua leveza e frescura, associadas ao baixo teor alcoólico e à típica «agulha» que normalmente o acompanham, que ligam muitíssimo bem com o contexto pré-refeição.

Condição indispensável para o Vinho Verde exprimir todo o seu potencial qualitativo, é ser servido sempre a uma temperatura compreendida entre os 8 e os 10 graus centígrados.

Podemos concluir que o vinho tem um importante papel na manutenção da saúde humana, desencadeando, quando bebido moderadamente, fenómenos biológicos capazes de protegerem o nosso organismo, impedindo a deterioração dos seus elementos celulares, controlando o seu metabolismo e defendendo-o das transformações patológicas, agressões internas e externas, proporcionando uma maior longevidade e qualidade de vida.

O Vinho Verde é um vinho único no mundo, de espírito singular e inimitável. Se procura o cúmplice perfeito para uma festa de amigos, um jantar romântico ou um fim de tarde, o Vinho Verde vai surpreendê-lo com a leveza e a frescura que adiciona a cada momento.

De intensos aromas frutados, o Vinho Verde é particularmente apreciado como aperitivo pois é pouco alcoólico e tem uma acidez muito equilibrada. Fonte: vinhoverde.pt

.

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

| Deixe seu COMENTÁRIO AQUI |

2 Respostas para “Vinho Verde”

    Gravatar
  1. Pri Diz:

    Nossa, eu nem sabia que essa musica era do Roberto Leal..para mim era do Daniel.. hehe

    Eu adorooo vinho… ainda mais português… sempre tenho em casa vinho do porto, moscatel… Meu marido é da terrinha, gostamos muito de apreciar os vinhos de lá.

    O verde particularmente nunca experimentei.. vc me deixou com vontade.. rs, mas agora depois da gastro fiquei menos resistente… meia taça ja fico quentinha.

    beijos

  2. Gravatar
  3. Sammy Leilane Diz:

    Passando rapidinho para desejar um ano novo maravilhoso com realizações de sonhos, metas, enfim, um ano tudo de bom!!!!!

Escreva, comente, participe do Blog!!!

Os comentários serão respondidos por aqui, então retorne para ler sua resposta.

Siga @dannymoubbg no Twitter!