Arquivos do Blog

Conheça o lado bom de alguns alimentos polêmicos

29th março, 2016 by Danny Mou

Consumir carne vermelha, ovos, chocolate e café também pode ser saudável

A lista negra dos alimentos que são os piores inimigos da saúde é extensa. Mas, segundo estudos científicos recentes, a má fama de alguns deles não só é exagerada, como injusta. O consumo de alguns desses alimentos, como o chocolate, café, ovos, maionese, margarina e carne vermelha, traz efeitos benéficos ao organismo, além disso, afirmam os especialistas, são essenciais para a manutenção da saúde.

“Antes de tirar alguns componentes do cardápio, é muito importante saber qual é o tipo metabólico de cada pessoa. Os resultados mudam conforme o organismo de cada um. Por isso, o que para alguns pode fazer bem, para outros pode ser prejudicial”, diz o endocrinologista Wilson Rondó Jr, especialista em medicina ortomolecular, autor do livroFazendo as pazes com seu peso, da editora Gaia.

Chocolate
Um estudo feito pela McMaster University, no Canadá, descobriu que o consumo controlado de chocolate pode ter ação benéfica para o sistema cardiovascular. De acordo com a pesquisa, pessoas que comiam regularmente cacau, tinham 22% menos chances de sofrer um derrame. “O chocolate age como anti-inflamatório, regula o sistema imunológico, afina o sangue e assim diminui as chances de doenças cardiovasculares”, explica Wilson Rondó Jr.

Somado a isso, o chocolate ainda é rico em nutrientes que trazem muitos benefícios ao organismo. Entre eles estão os flavonoides, importantes antioxidantes que além de impedir a oxidação do colesterol, preserva outros antioxidantes como as vitaminas E a vitamina A.

Para ser saudável, o consumo deve ficar restrito a três pequenas doses de chocolate com pelo menos 70% de cacau por semana. “Uma composição com mais leite e gordura e menos cacau pode trazer mais problemas do que benefícios. E não faz sentido comer uma barra de chocolate por dia, isso só traria problemas para o nosso corpo”, explica o especialista.

Café
Segundo um estudo recente, feito pela Universidade do Sul da Flórida, nos Estados Unidos, a cafeína, substância encontrada no café, pode ser usada no tratamento da doença de Alzheimer, por diminuir a formação de placas amiloide tanto no cérebro quanto no sangue. Outro estudo norte-americano afirma que mulheres que tomavam quatro xícaras de café por dia tinham até 65% menos chances de ter derrames.

Além disso, a cafeína estimula o sistema nervoso, aumenta a sensação de bem-estar, tem efeito antioxidante, ajuda a combater a depressão e contém altos níveis de potássio, vitamina B e aminoácidos.

Mesmo com todos esses benefícios, é preciso tomar alguns cuidados na hora de beber café. “Os estudos mais atuais dizem que o ideal é não tomar mais do que quatro xícaras de café por dia. Uma quantidade maior do que essa pode aumentar o ritmo cardíaco, elevar a pressão arterial, elevar os níveis de colesterol, causar tremores e insônia”, diz Rondó.

Outro cuidado apontado pelo especialista é fugir do café descafeinado, já que estudos mostram que ele aumenta em 10% os níveis de colesterol no sangue e em 18% o acúmulo de gordura na parede das artérias.

Ovo
Durante anos ele foi relegado ao posto de inimigo do peito em função dos níveis de colesterol que esse alimento possui, o que poderia causar uma série de complicações para o sistema cardiovascular. Mas um estudo feito pela Universidade de Minnesota demonstrou não haver relação entre o consumo regular de ovos e o aumento da incidência de doenças cardiovasculares, como infarto e derrame. “O consumo do colesterol contido nos ovos induz o corpo a produzir menos colesterol fabricado pelo próprio organismo. Nesse processo, há um equilíbrio que preserva o funcionamento saudável do corpo”, explica Rondó.

A atenção ao consumo de ovos se deve principalmente ao seu modo de preparo. O ovo cozido e o pochê são as maneiras mais saudáveis de consumir esse alimento. Já prepará-lo frito ou mexido não é tão saudável. “Quando a gema entra em contato com o ar, o que acontece quando o ovo é frito ou mexido, há uma oxidação do colesterol. Esse processo torna a gordura dos ovos mais nociva à saúde”, afirma o endocrinologista.

Colocar o ovo cozido na primeira refeição do dia três vezes por semana, uma fonte de proteína, é mais saudável do que consumir pão, fonte de carboidrato, em todos os cafés da manhã. Além da variação na alimentação, que é sempre importante para uma dieta, os ovos são alimentos energéticos que aumentam a sensação de bem-estar durante o dia inteiro.

Carne vermelha
Segundo o endocrinologista Wilson Rondó, mesmo tendo quantidades de gordura saturada, a carne vermelha ainda é um elemento que deve ser mantido na dieta. Ela é fonte de todos os aminoácidos essenciais ao corpo humano, além de ser rica em ferro, zinco, e vitaminas do complexo B, principalmente a vitamina B12 – indispensável para o funcionamento das células nervosas do corpo humano. “Por isso, a maioria das pessoas que não come nenhum tipo de alimento de origem animal, principalmente a carne vermelha, apresentam carência dessa vitamina em longo prazo se não tomarem suplementos vitamínicos”, explica Rondó.

De acordo com o especialista, uma alimentação saudável é aquela que traz um equilíbrio entre os micronutrientes, ou seja, vitaminas e minerais, e os macronutrientes, como gorduras, proteínas e carboidratos. Fechar a boca para alimentos ricos no último grupo, como a carne vermelha, que tem fama de engordar, faz mal ao organismo.

Alguns estudos recentes, feitos na França, dizem que é possível enriquecer a carne e o leite bovinos com ômega 3, a partir de uma alimentação a base de linhaça, grão rico nessa gordura. O estudo também diz que o pasto é rico em ômega 3, e quando os animais são criados em campos, o seu leite e sua carne ficam mais nutritivos. Fonte: Portal Minha Vida

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» COMENTÁRIOS AQUI »

Abobrinha à Bolonhesa Gratinada

25th novembro, 2015 by Danny Mou

Mais uma receita com abobrinha, que eu adoro! :D

Aliás, esta foi uma das primeiras receitas que aprendi a fazer, pois é muito fácil! Isso tem muitos anos e até hoje eu faço, pois é rápida, prática e saborosa!

Ingredientes:
- 2 abobrinhas médias raladas grosso ou bem picadinhas (eu prefiro raladas)
- 200g de carne moída já refogada com temperos à gosto, bem sequinha
- 1 sachet de molho de tomate refogado
- 1/2 xícara (chá) água
- 1 colher (sopa) leite
- 1 tomate picado, sem sementes
- 1/2 xícara (chá) azeitona preta fatiada
- mussarela fatiada
- 4 colheres (sopa) parmesão ralado grosso para polvilhar

Modo de Preparo:
Num refratário médio faça uma camada com a abobrinha ralada, por cima coloque o tomate picadinho e a azeitona preta. Reserve.

Aqueça o sachet de molho de tomate, acrescente a água e deixe levantar fervura. Adicione o leite e mexa bem. Coloque a carne moída e deixe engrossar.

Despeje o molho à bolonhesa por cima dos legumes. Cubra com bastante mussarela e polvilhe com o parmesão. Leve ao micro-ondas (ou forno convencional) até o queijo derreter.

.

Receita publicada originalmente no Blog em 30/07/2009.

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 5 COMENTÁRIOS »

Farofa de Carne Seca e Azeitona Preta

11th novembro, 2015 by Danny Mou

Farofa é tudo de bom! Acompanhamento que não pode faltar aqui em casa, seja nas refeições tradicionais, festivas ou churrascos! ;)

Ingredientes:
- 2 xícaras (chá) de carne seca Paineira (já cozida e desfiada)
- 2 colheres (sopa) manteiga => não usar margarina
- 1 pedaço de bacon picado
- 1/2 cebola picadinha
- 4 ovos
- 1 envelope de tempero em pó vermelho
- 1 pacote de farofa de mandioca temperada (250g)
- 3 colheres (sopa) azeitona preta fatiada

Modo de Preparo:
Numa panela, doure o bacon na manteiga; coloque a cebola e deixe refogar, até murchar. Coloque a carne seca e mexa, deixando alguns minutinhos, para pegar bem o gostinho da manteiga.

Numa prato fundo, quebre os 4 ovos e reserve. Quando a carne estiver bem macia, jogue os ovos e o tempero em pó juntos. Mexa bem. Fica uma aparência horrível, mas é assim mesmo. Abaixe o fogo e vá despejando a farofa temperada e mexendo sem parar. Cuidado para não colocar muita farinha, pois a farofa deve ficar bem úmida.

Por fim, acrescente a azeitona fatiada. Misture, tampe a panela e desligue o fogo. Sirva quente ou fria.

.

.

Visitem a Paineira nas mídias Sociais:
Twitter e Facebook


Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» COMENTÁRIOS AQUI »

Picadinho de filé com champignon e azeitona

3rd outubro, 2015 by Danny Mou

Picadinho de Filé Mignon é uma delícia! Fácil e saboroso, pois rapidamente a carne fica macia. Espero que gostem desta receita! ;)

Ingredientes:
- 500g filé mignon picado
- meia cebola picadinha
- 1 dente de alho picadinho
- 1 xícara (chá) champignon Fugini picado grosseiramente
- molho inglês
- 1 envelope de tempero em pó para carne
- orégano e sal à gosto
- 1 colher (café) molho inglês
- 3 colheres (sopa) azeitona verde Fugini picada

Modo de Preparo:
Num fio de óleo, refogue a cebola, o alho e o champignon. Coloque a carne e deixe cozinhar, até criar caldo. Abaixe o fogo, coloque todos os temperos e deixe a panela semi tampada. Vá mexendo eventualmente e acerte o sal. Não é necessário acrescentar água, pois o filé cozinha no seu próprio caldo. Quando a carne estiver macia, acrescente a azeitona picada e desligue o fogo.

.

Servi com Purê de Batatas Instantâneo. Depois mostrarei em detalhes este lançamento da Fugini!

.


A Fugini também está presente nas mídias sociais:
Facebook e Twitter

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» COMENTÁRIOS AQUI »

Strogonoff de Filé do Orlando

11th julho, 2015 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 11/07/15

Strogonoff de Filé Mignon divino, preparado pelo meu maridão faz muito sucesso! Ele aprendeu com o Orlando, uma pessoa muito importante em sua vida e que já partiu para o andar de cima há alguns anos. E hoje, queremos compartilhar com os leitores, numa espécie de homenagem, esta receita fantástica! :)

Ingredientes:
1Kg de filé mignon
1 colher (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de margarina
1/2 cebola picada
200g de cogumelos fatiados
1 colher (chá) molho inglês
1 colher (chá) shoyu
60g mostarda amarela
100g ketchup tradicional
1 caixa de creme de leite
1 dose (generosa) de conhaque

Modo de Preparo:
Picar o filé em cubos tamanho médio e a cebola bem pequenininha. Derreter a margarina em fogo baixo, juntar o azeite e fritar a cebola; quando ela começar a dourar, colocar o champignon e acrescentar o shoyu. Colocar a carne para cozinhar com a tampa da panela aberta, até que a própria água da carne comece a secar. Quando estiver razoavelmente seca, acrescentar o molho inglês e deixar por 3 minutos. Repetir a operação com o ketchup e a mostarda, sempre mexendo. Prove e acerte o sal.

Aumentar o fogo ao máximo para flambar, ou seja, colocar o conhaque e deixar pegar fogo, esperar o fogo apagar sozinho. Depois, pode desligar o fogão e colocar o creme de leite, misturando bem.


Servir acompanhado de arroz e batata palha. Um bom vinho (tinto/suave) de seu gosto vai bem.

Receita postada originalmente no Blog em 08/05/12

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 2 COMENTÁRIOS »