Degustação de queijos no Pão de Açúcar!

6th agosto, 2012 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 06/08/12

Semana passada, eu e minha família, estivemos numa degustação de queijos nobres com harmonização de vinhos, à convite do Pão de Açúcar. Pudemos conhecer os lançamentos e aprender um pouco mais sobre essas delícias!

Os atendentes especializados em queijos, deram uma verdadeira aula para os convidados. Nós, que adoramos queijos, passamos momentos verdadeiramente deliciosos. São muitas novidades que o Pão de Açúcar preparou para seus clientes, fechando parcerias com novos fornecedores portugueses e holandeses, para enriquecer ainda mais a extensa linha de produtos já importados, num total de mais de 200 variedades de queijos.

De acordo com Luis Otavio Moura, Gerente Comercial, como “o Pão de Açúcar importa diretamente dos produtores, sem intermediários, tem conseguido reduzir os preços para o consumidor final, tornando a opção internacional atrativa e, muitas vezes, com preços similares e até inferiores aos tipos nacionais“.

.

Dentre as novidades que pudemos degustar, o queijo holandês Bastron Pesto Verde chamou muito nossa atenção, pelo seu sabor marcante e cor verde linda demais!

.

Também adorei o queijo feito com 100% leite de cabra holandês Frans Halls, com sabor encorpado e delicioso aroma; servido con damascos secos e nozes. À direita, queijo Gorgonzola alemão, Bergarder.

.

Outra novidade que pudemos provar, foi o queijo holandês Gouda Light, com baixo teor de gordura e sabor delicioso. À direita, queijo Brie Président, servido com geleia de frutas e amêndoas.

.

Para acompanhar, foram servidos alguns vinhos Club des Sommeliers, marca do Pão de Açúcar, com mais de 60 rótulos, procedentes de 9 países. Como não aprecio muito bebida alcoólica, deixei essa parte para o maridão. Tomei água e a Bonequinha Alyssa, suco de uva! ;)

.

Não podia deixar de comentar sobre o queijinho Babybel, um tipo de “polenguinho” francês com sabor delicioso; fiquei encantada com ele! Além disso, cada unidade vem embalada com alumínio e um envoltório de cera, o que deixa o produto completamente protegido. Não é uma fofura?

.
Foram diversas opções de queijos apresentadas, não seria possível comentar sobre todas. Mas, acredito que consegui passar uma visão geral. Uma coisa que eu não sabia e achei bastante interessante! Hoje, o Pão de Açúcar possui em 83 lojas de São Paulo, o serviço Especialistas em Queijos: atendentes especialmente treinados, com o propósito de auxiliar o cliente, tanto com informações, como com sugestões de produtos, receitas e até degustação.

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 2 COMENTÁRIOS »

Dicas de viagem: Cruzeiro

20th abril, 2012 by Soraya Gars

Cruzeiro: Entrei de gaiato no navio
(ou dicas para marinheiros de primeira viagem)

Hoje o cruzeiro é uma viagem acessível para a maioria das pessoas, graças aos custos mais em conta e as formas de pagamento parceladas. Sonho antigo, filhos crescidos, dois dias de folga no trabalho mais o feriado da Semana Santa e … hora de zarpar!!! Obviamente, fiz trocentas pesquisas na internet e agradeço aos blogueiros viajantes por todas as dicas, mas mesmo assim tive algumas surpresas e consegui amealhar mais algumas dicas para os futuros passageiros de um tão sonhado cruzeiro.

Hora do embarque, borboletas no estômago, vamos nessa!!! O primeiro passo foi reservar um estacionamento bem próximo do local de embarque, indicado pela agência de turismo CVC, super legal, custa R$ 40,00 por dia e precisa pagar antecipado. Mas vale a pena, pois não ficamos dependendo de conduções, filas, etc., e o manobrista deixa você na porta do embarque e depois te entrega o carro no desembarque. Você entra com o carro dentro do porto, estaciona no terminal de bagagens, despacha suas malas que serão colocadas na porta da sua cabine umas 2 ou 3 horas depois que o navio zarpar, e o manobrista leva seu carro para uma sombrinha aconchegante do estacionamento.

O terminal de embarque é grande e bonito, e, como nos aeroportos, tem lojas e lanchonetes. Primeiro passo é entrar na fila do check-in (uma fila única para todos os navios que zarpam naquele horário), mas anda rapidinho. No primeiro balcão, vc preenche um documento autorizando que despesas extras sejam feitas no seu cartão de crédito (somente cartão internacional) ou faz um depósito em dinheiro (dólar) para essas despesas e caso não gaste tudo, recebe a diferença de volta na saída. No segundo balcão você mostra os documentos e retira os cartões da sua identidade no navio, que serve tanto para abrir a porta da cabine como para despesas extras, compras nas lojas e eventuais excursões que vc compre no navio. Cada passageiro recebe um cartão e deve andar sempre com ele dentro do navio. Recebe-se também uma etiqueta com um número, pois o embarque é feito em grupos para não congestionar. Então volta-se para o saguão de espera até que o seu número seja chamado.

O embarque é tranquilo, o navio é imenso, um prédio de 11 andares bem na sua frente, aproveitem e façam quantas fotos quiserem. Não vai ter ninguém te empurrando pra “andar logo”. Entre no navio e dirija-se de elevador até o último andar, onde tem a piscina, as jacuzzis, restaurante panorâmico, solarios e muitas espreguiçadeiras e mesas. Geralmente o embarque é por volta das 13/14:00 horas, portanto, ao entrar no navio o almoço está a sua espera, com muita fartura, tudo muito limpo e bem arrumado, bebidas à vontade (água, sucos, refrigerantes, café, leite, chocolate, chás, gelo, cerveja e vinho) em quiosques que vc mesmo se serve e várias sobremesas lindas, decoradas e super convidativas. Aliás, comida é o que não falta num navio. Além do café, almoço e jantar, até 3 horas da manhã tem buffets variado na área da piscina, com saladas, comidinhas e petiscos, frutas e sobremesas. Os quiosques de bebidas e sucos funcionam 24 horas, no último andar. Tudo incluído, inclusive cerveja e vinho (all inclusive). Só paga-se à parte outras bebidas alcoólicas.

Antes de zarpar há uma convocação obrigatória para um teste de emergência, no convés de um dos andares, onde eles ensinam como colocar os coletes salva-vidas e como será a entrada nos botes. Alias, desse mesmo convés, conseguimos ver golfinhos brincando quando o navio estava ancorado em Angra dos Reis. Interessante é que a tripulação é bem discreta, garçons praticamente invisíveis, você se serve e eles recolhem, tudo tão rápido que nem se percebe.

Todas as cabines são acima do nível do mar. Umas com janelas outras não. A cabine é luxuosa, confortável e muito limpa. Toalhas de banho e de piscina, shampoo e sabonete líquidos à disposição, ar condicionado quente e frio. Aliás tudo no navio é bem luxuoso. Carpetes elegantes, corrimãos brilhando, lustres gigantes, espelhos em toda parte, decoração, escadas, tudo, tudo muito lindo. Dentro do navio tem anfiteatro, lojas de roupas, perfumes, óculos e relógios, academia, discoteca, parede de escalada, restaurante tipo buffet (no último andar), restaurante a la carte, bar, cafeteria, piscina, jacuzzis, posto médico, diversos salões de estar, lan house, cassino e jogos eletrônicos.

Interessante é que o navio só navega de noite. Durante o dia ele fica ancorado próximo a algum porto ou pier e os passageiros podem descer e passear a vontade, retornar para almoçar, depois descer de novo, como quiserem. Funciona assim: na véspera vc pode comprar uma excursão de van ou escuna pelo local ou pegar uma senha colorida para ser um dos primeiros a descer e passear por conta própria. Quem não tiver pressa, vai depois que todas as senhas tiverem sido chamadas (lá pelas 10 da matina) e se resolver depois, pode comprar excursões direto no pier. Vale a pena fazer os passeios, que custam de R$ 30 a 40,00 por pessoa. Os passeios de escuna são sensacionais e tem várias paradas para nadar em alto mar.

À noite, quando o navio está em movimento, sente-se algum balanço eventualmente, mas nada que assuste ou que precise se segurar nos móveis para não cair no chão (rsrs).

Dentro do navio as atrações não param. É uma festa constante, com música ao vivo, gincanas, aulas de dança, bingo, equipes de recreação para adultos e crianças, jogos, baladas, rádio interativa, tv interna que mostra os eventos ocorridos, além de shows excelentes todas as noites no anfiteatro. Apesar de ter quase 2.000 passageiros, as pessoas não ficam se trombando toda hora, não há filas imensas, nem elevadores lotados. É uma incrível desorganização organizada. Só vendo pra entender. Dá pra curtir de tudo um pouco e também visitar as praias e cidades onde o navio ancora, porque a festa não termina e as atividades e shows são sempre em 2 turnos, possibilitando que todos participem.

Os produtos à venda no navio são bem carinhos. Fotos feitas pelos fotógrafos oficiais custam U$ 12,50 cada (sim, cada uma!!!!), os passeios são um pouco mais caros que se comprados direto nas praias, com uma diferença de U$ 5 ou 6,00 por pessoa, a perfumaria coloca algumas atrações com 30% de desconto, mas no geral os perfumes são bem caros. Tem algumas coisas legais para não sair de “mãos abanando”: imã de geladeira do navio (U$ 3,00), camisetas (U$ 15,00), 6 porta-copos (U$ 4,00). Nas cidades/praias geralmente tem lojas de souvenir no próprio pier, com artesanato e lembrancinhas legais.

Todos os dias chega um jornalzinho na cabine com todas as informações e eventos do dia seguinte. Excelente pra se programar. No último dia, o desembarque é pela manhã, um andar (chamam de deck) por vez, das 9:00 às 10:30. Mas dá tempo de tomar o último e delicioso café da manhã com tranquilidade.

Bom, acho que são boas informações para quem vai viajar pela primeira vez. E um último comentário: não, não dá pra ir até a frente do navio fazer a mesma pose do Leonardo di Caprio e a mocinha no filme Titanic, rsrsrs!!! Espero que se divirtam e “curtam” tanto quanto eu curti!

Post by Soraya Gars, Colaboradora do Blog!

Sugestão de leitura:



» 8 COMENTÁRIOS »

Novidade: produtos Sther para compra online!

23rd março, 2012 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 23/03/12


Foto: Divulgação

Já mostrei aqui no Blog, diversos produtos da Sther Cosméticos que eu e a Bonequinha Alyssa usamos e aprovamos, entre eles:

- Óleo Suavity Ternura
- Creme Suavity Pernas e Pés
- Sabonete Líquido Lorys Baby
- Creme de Hidratação Lorys Kids

Quero compartilhar uma novidade bem legal! A Loja Virtual Phytozen, parceira da Sther, disponibiliza todas as linhas para compra online (Lorys Baby, Kids e Princess, Suavity, Água Doce ou Maxsther) com conforto e segurança!

Agora ficou muito mais fácil comprar os nossos produtos favoritos da Sther! ;)


Visitem www.phytozen.com.br

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» COMENTÁRIOS AQUI »

Dica de Viagem: Foz do Iguaçu

10th dezembro, 2011 by Soraya Gars

Fiz uma viagem maravilhosa no feriado de 15 de Novembro, e quero compartilhar com os leitores e leitoras do blog. Na verdade é uma retribuição, pois fiz muitas pesquisas na internet e agradeço aos viajantes por suas postagens, que me ajudaram a ter uma viagem bem tranquila.

Meu destino foi Foz do Iguaçu, mas obviamente que estava alucinada para fazer “compritchas” no Paraguai e na Argentina, já que a cidade faz fronteira com esses dois países, e o local é conhecido como tríplice fronteira.


Cataratas do Iguaçu

Começando com a parte natureba, recomendo a todos que visitem as Cataratas do Iguaçu, eleita uma das 7 maravilhas da Natureza no Mundo justamente no dia anterior ao meu embarque, 11 de novembro de 2011. É um verdadeiro monumento de beleza e grandiosidade, nunca pensei que fosse tão grande e tão imponente. É necessário pegar um transporte até o Parque Nacional do Iguaçu e pagar a entrada de R$ 24,00 por pessoa (para brasileiros). Quem tem cartão Itaú paga 50% do ingresso (só para o titular). Aí tem uma trilha de cerca de 1,5 km contornando uma montanha, que permite ver todas as cascatas, de todos os ângulos, uma verdadeira loucura. Até o ponto máximo, onde vc fica a pouquíssimos metros da queda maior, um colosso de tanta água que cai na chamada Garganta do Diabo – explico: dizem que há um buraco no final da queda, que ninguém sabe onde vai dar. Na verdade a gente percebe que a quantidade de água que cai não é a mesma que continua fluindo rio abaixo. Muito intrigante, não é? Meu conselho: não compre capa plástica – vá de corpo e alma sentir aqueles respingos de pura energia! É uma sensação indescritível de ligação com a mãe natureza. Não se preocupe, ninguém sai encharcado de lá. O clima é ótimo e em meia hora vc está sequinho.

Há opção de passeio de helicóptero por cima das cataratas (eu fui, é muito emocionante!!) ao preço de R$ 190,00 ou de barco (chama Macuco Safari) e custa R$ 140,00 por pessoa. Nas lojinhas tem muitas lembranças pra comprar: camisetas bordadas por R$ 23,00, imãs de geladeira entalhados em madeira por R$ 4,00 e muitos outros badulaques como chaveiros, estátuas pequenas de animais, brochinhos, sacolas, etc. Deixe para comprar na última loja, na saída, que é a maior de todas e você não precisa ficar carregando nada na trilha. Um conselho: leve uma mochilinha com suas coisas para deixar as mãos livres para fotografar à vontade e uma garrafinha de água. Esse passeio dá uma sede!!!!!

O Parque das Aves é outra atração bem legal e fica do outro lado da Rodovia (Rodovia das Cataratas). É só atravessar e pronto. O ingresso custa R$ 20,00 por pessoa. Lá dentro tem muitas aves soltas, tucanos que dão vôo rasante sobre as pessoas, espécies que você pode acariciar, além de outros pássaros em grande viveiros, muitos deles ameaçados de extinção. Na saída tem uma lanchonete e alguns funcionários com araras e cobras que você pode pegar e colocar nos ombros. Um desafio para nossos instintos!!! Peguei na arara azul e na cobra! Nunca imaginei que faria isso mas fiz!!! Fiquei orgulhosa rsrsrs!!!!


Parque das Aves

Itaipú é outro local que não podemos deixar de visitar. É uma obra de engenharia gigantesca, muito bem cuidada e preservada, um lugar lindo de se ver. Tem que pagar o ingresso de R$ 20,00 e depois entrar no ônibus panorâmico. Fique na parte superior e sente do lado oposto ao do motorista, pois a visão é bem melhor. Nas turbinas de Itaipú passa seis vezes mais água por segundo do que nas Cataratas.

Em Foz, tem um show que não pode faltar na programação da viagem. Por R$ 80,00 você paga o transporte, jantar e show no Restaurante Rafain, onde são apresentadas músicas e danças de todos os países latinos, tudo muito lindo, muito colorido e muito alegre. A comida é variada e muito bem servida (self service à vontade) e a mesa de sobremesas é um destaque especial, rsrsrs!!! Bebidas são pagas à parte.

No lado Argentino, o passeio começa com compras no Duty Free Shop, um espaço muito elegante tipo shopping, térreo, com cerca de 7 lojas relativamente grandes que vendem chocolates, cigarros, cosméticos, enfeites para casa, roupas, bebidas e outras bugigangas. Todas as griffes internacionais que se pode imaginar. Você entra, pega um carrinho, entra nas lojas, vai pegando o que quer e paga tudo na saída. Os preços são bem em conta em comparação ao Brasil, por se tratar de uma zona franca, onde os comerciantes não pagam impostos. O pagamento é em dólar ou cartão internacional. Alguns itens legais que compramos: Licor Frangélico – U$ 23,00; Licor Baileys – U$ 16,00; Perfume Chanel Nº5 60ml – U$ 60,00 (no Brasil tá por volta de R$ 270,00); Castanhas (400gr) – U$ 6,00; Blusa de moleton GAP – U$ 46,00; Saco de chocolate Kit Kat (1,5Kg) – U$ 16,00. Lá tudo é original, pode comprar sem medo.

Saindo do Duty Free, passamos pela Receita Federal rumo à cidade de Puerto Iguazu, antiga cidade de Missiones. Importante: sempre levar RG original ou carta de motorista. Se você está com um grupo, o guia leva os documentos e cuida de tudo. Eles registram todos que entram e todos que saem do país.

Logo na entrada tem o Gran Cassino, que atrai turistas abastados (e viciados, rsrsrs) de todos os locais. Na entrada da cidade tem uma loja grande de produtos esportivos. A cidade é pequena, tem algumas ruas de comércio com lojas de produtos de couro e cashemira, especialidades argentinas. Não compramos nada disso porque não dava tempo. Mas tem uma loja chamada “O Salame Maluco”, na Av. Brasil, que vende várias marcas de alfajor, doce de leite, compotas, queijos, azeites, vinhos e enlatados importados e de qualidade por excelentes preços. Também gostei dos produtos das farmácias: creme PONDS por R$ 5,00, pastas de dentes, band-aids, um monte de produtinhos de fabricação argentina, chilena, mexicana, bem baratos.

Jantamos dois dias lá, em restaurantes diferentes. A comida é excelente, muito bem servida, com destaque para as carnes, que também são famosas pela maciez. O favorito é o bife de Chouriço, uma parte do contra-filé, super macia e saborosa. O prato sai em média R$ 35,00 e pode pagar em Pesos, Reais ou Dólares. Dois pratos servem 3 pessoas com fartura. A pizza é diferente do Brasil, são feitas em forno convencional, com massa caseira. As empanadas são feitas de massa folhada, achei um pouco oleosa, mas bem gostosa, escolhi recheio de queijo com cebola, super diferente. A Citrus de lá e mais amarga do que a nossa e a água mineral é um pouco salobra, ambas bem ruinzinhas, pra falar a verdade.


Ciudad Del Este (em cima), Itaipú e Duty Free

No Paraguai, Ciudad Del Este (CDE é a sigla que você vê escrito em vários locais) é bem feinha, parece a Rua 25 de Março de São Paulo, e tem diversos shoppings imponentes por fora, porém pequenos e apertados por dentro. O primeiro conselho é não dar bola para os camelos, pois é tudo falsificado (apesar que vi uma falsificação de sandalia Crocs por R$ 8,00 que era bem convidativa. Mas estava chovendo e não dava pra ficar ali). Quem for em feriado prolongado, sugiro ir ao Paraguai no domingo, pois a fila na entrada (Ponte da Amizade) é bem menor. Sábado costuma demorar até 3 horas. Porém as lojas fecham as 14:00 horas, portanto, o negócio é ir cedo e não perder tempo.

A recomendação dos guias é comprar nas lojas SAX e Monalisa. São lojas de departamentos imensas e luxuosas, com diversos andares e vendem de tudo: perfumes, roupas, cosméticos, calçados, óculos, etc., tudo de marca, em seções bem organizadas e chiques. Parecem lojas da 5ª Avenina, em NY. Têm lanchonete também, pra quem quiser fazer uma boquinha.

Vários outros shoppings: Hill, Americanas, Vêndome, Mina India, Barcelona, Internacional, todos principalmente com lojas de eletrônicos, cosméticos e tênis. Sugiro fujir dos quiosques internos, pois é tudo bugiganga falsificada. Compramos um Nintendo Wii por U$ 245,00 e alguns perfumes (Lacoste, Polo, Ferrari, Bulgari) com preços de U$ 30,00 a 60,00. Outras coisas legais de comprar são os body spray e cremes da Victoria Secrets, ao preço de U$ 10,00. Na Loja da China, impossível de não ver, pois parece a entrada de um templo chinês, tem chocolates importados, latas decoradas de balas por U$ 3,60, barras de chocolate de 130 gr por U$ 1,70; bebidas, muitos cosméticos e artigos esportivos. É uma loja confiável com bons preços. Outras lojas de Eletrônicos sugeridas: Bariloche (Shopping Americanas), Advance (Vêndome) e NAVE (loja de rua).

Na saída, tem o Shopping Cuidad Del Este, relativamente novo, mas com lojas confiáveis também. Os preços são similares ao Duty Free Shop Argentino. Os óculos Ray Ban saem a partir de U$ 180,00; Relógios a partir de U$ 80,00; Moleton GAP por U$ 45,00 e Body Spray Victoria Secrets também por U$ 10,00. Tem uma praça de alimentação e dá pra comer “papas” (batatas) fritas.

Ao cruzar a Ponte da Amizade de volta, a parada na Aduana é obrigatória e um fiscal entra no ônibus para dar uma rápida geral. Nesse momento, dependendo do que você comprou, é bom se informar com o guia se precisa declarar. A cota em dólares para compras é de U$ 300,00 por pessoa.

Últimas dicas:
- Todos os hotéis oferecem serviço de transporte para os passeios, na faixa de R$ 30/35,00 por pessoa. Então, negocie bem pois se vc for nas Cataratas e no Parque das Aves, vão querer te cobrar dois passeios, sendo que na verdade é um só, pois são um em frente do outro.
- Cuidado com a conversão das moedas. Informe-se antes o valor dos Pesos Argentinos e do Guarani Paraguaio, para não serem “enrolados” pelos vendedores.
- No Paraguai também é necessário se identificar na entrada e na saída. Um detalhe, um representante da família ou do grupo tem que se identificar na saída e não pode voltar em menos de 30 dias, portanto, se quiser voltar no dia seguinte dê baixa em nome de outra pessoa no segundo dia.
- Nos aeroportos, o peso permitido por pessoa na bagagem despachada é de 23 kg. Acima disso paga-se uma taxa de excesso de bagagem.

Post by Soraya Gars, Colaboradora do Blog!

Sugestão de leitura:



» 2 COMENTÁRIOS »

Presente da mamãe: Brinco de Prata com Madrepérola

3rd maio, 2011 by Danny Mou

>> Diário Pessoal, 03/05/11

Comprei o presente da minha mãe, na Loja Virtual Pulseiras & Cia: um brinco de Prata com Madrepérola. Não é lindo demais? Tenho certeza que ela vai adorar!

Usando o cupom “BQ68P1N03A8” os leitores do Blog ganham automaticamente 10% de desconto + frete grátis (nas compras acima de R$ 30,00). Então, aproveitem, que ainda dá tempo de comprar um para sua mãe também! ;)

.


Ainda está rolando aqui no Blog, o sorteio de um Brinco Aspiral de Prata.
Inscrições até 06/05. Últimos dias, participem!!!

Sugestão de leitura:


Siga @danny_mou no Instagram!

» 1 COMENTÁRIO »